07 agosto 2011

Colaboração

As pessoas param para pensar e em muitos pontos dizem "Ninguém me ajuda" ou "Ema, ema, cada um com os seus problemas!".



O grande problema está sempre em nós, mas ai você vai parar de ler esta matéria e não entende o porque disto.

Quando digo em nós, digo no sentido de olhar para dentro de você e ver o que está fazendo para ajudar as pessoas?

O mundo não gira em torno de você ou do outro (é dificil entender isso, mas é a mais pura verdade), como então devemos nos comportar, diante desta aparente injustiça?


  • Devemos em primeiro lugar ver o que estamos fazendo de errado (sim, tem algo de errado em você, seja criterioso como se estivesse vendo seu colega).
  • Ser mais "ouvintes" ao invés de "escutar". Existe uma grande diferença entre "escutar: não dar atenção/importancia ao assunto" e "ouvir: entender e compreender a mensagem"
  • Dê atenção que você gostaria que dessem a você.
  • Faça o seu trabalho, não se importe com que o "Fulano" ou "Ciclano" faz, faça o seu trabalho.
  • Tente se desapegar dos pontos de conflitos, atritos que te deixem para baixo.
Estas pequenas atitudes já lhe auxiliam durante o dia-a-dia de trabalho, porém são árduas e o processo muitas vezes trazem sequelas emocionais a quem está mudando ou passando por este processo.

Lembre sempre é mais fácil mudar a sua visão sobre o mundo do que tentar mudar o mundo.

Música para reflexão




"..viver é mais do que dizer 'sim ou não'..."
Postar um comentário